exposição

Zona de Coexistência

17/05/2019 a 01/06/2019

4f078061-d2bb-49ae-bfe0-0f461aa759dd.jpg

A exposição Zona de Coexistência - diálogos com a Coleção Duda Miranda, reuniu artistas brasileiros radicados em Lisboa e que fazem parte do acompanhamento crítico organizado pela artista Marilá Dardot e a curadora Cristiana Tejo, no âmbito do projeto NowHere – experimentos e trocas artística, e obras selecionadas da Coleção Duda Miranda, (Rio de Janeiro, 1951), que inclui
obras refeitas de artistas como Thomas Hirschhorn, Carlos Zilio, Yves Klein, Jack Goldstein, Robert Filliou, Paulo Bruscky e Arthur Bispo do Rosário, entre outros. Trata-se de uma mostra experimental que buscou suscitar algumas questões sobre coletividade, diversidade, poder, afeto, colecionismo, imigração, autoria, invenção e a convergência de singularidades num mundo da arte cada vez mais permeado pelo capitalismo neo-liberal.


Participaram da mostra: Andrea Rocco, Daniel Moraes, Gerson Biscotto, Jack Mugler, Marilá Dardot, Paula Clerman, Sonia Távora e Thalita Hamaoui. No dia 18 de maio de 2019 ocorreu a roda de conversa Colecionismo de arte, invenções artísticas e desejo. Participaram do bate-papo a artista e gestora cultural Samantha Moreira, responsável pela primeira exposição da coleção Duda Miranda, o artista Yúri Firmeza, professor da Universidade Federal do Ceará, doutorando na Escola de Belas Artes da Universidade de Lisboa e inventor do artista japonês Souzousareta Geijutsuka e Júlia Morelli, fundadora do projeto 55SP, iniciativa independente que busca fomentar o novo colecionismo por meio de edições de arte. O debate foi mediado pela curadora da mostra Cristiana Tejo e a curadora e diretora da Revista de Arte Select Paula Alzugaray.

Visita Guiada
Visita Guiada

press to zoom
Jack Mugler
Jack Mugler

press to zoom
Vista da exposição
Vista da exposição

press to zoom
Visita Guiada
Visita Guiada

press to zoom
1/6